Teste de Compatibilidade Genética (Matching genético)

Teste de Compatibilidade Genética (Matching genético)

A tranquilidade de desejar a melhor herança possível:
A saúde

O teste de compatibilidade genética é uma técnica inovadora que se realiza mediante exames genéticos antes de engravidar, através da colheita de uma amostra de sangue aos futuros pais, e que nos permite evitar a transmissão de centenas de doenças genéticas, através do estudo da compatibilidade genética do casal.

Encontre, em baixo, as respostas às perguntas mais comuns de quem pondera realizar os testes de compatibilidade genética e porque é que deve recorrer ao exame genético antes de engravidar.

Porque fazer o teste? Posso transmitir aos meus filhos uma doença sem a manifestar?

Todos podemos ser portadores de alguma doença genética recessiva pois praticamente todos temos alguma mutação nos nossos genes, embora não tenhamos antecedentes familiares ou sintomas de nenhuma doença.

Ser portador de uma doença genética não significa nada, pois na maioria dos casos nunca se manifesta. O problema está quando coincide que ambos os progenitores (tanto o homem como a mulher) são portadores da mesma doença genética recessiva. Nesse caso, podemos ter filhos doentes e embora a prevalência das chamadas “doenças raras” seja baixa, são doenças altamente incapacitantes e que afetam drasticamente a qualidade de vida.

O que ocorre se não formos geneticamente compatíveis

Nesse caso, podemos realizar uma fecundação in vitro e estudar os embriões em laboratório, pesquisando a doença que não somos compatíveis, de modo a que só sejam transferidos à mulher os embriões que não apresentem a doença. Esta técnica recebe o nome de Diagnóstico Genético Pré-implantacional.

E se para ser mãe preciso de óvulos ou esperma de dador?

Na Ginemed todos os nossos dadores têm estudo genético realizado. Desta forma caso seja necessário, podemos cruzar a informação genética com a outra pessoa, minimizando a possibilidade de ter um filho afetado pelas doenças genéticas estudadas.

Como se faz e em que consiste?

Realiza-se com uma simples análise de sangue, sendo que analisamos o material genético dessas células. Este teste genético identifica muitas doenças, analisando milhares de mutações no paciente e no parceiro (ou em caso de dadora de óvulos ou de dador de sémen). Uma vez estudados, cruzamos a informação dos dois e comprovamos se podem transmitir alguma doença das estudadas. Desta maneira, asseguramos que são geneticamente compatíveis, evitando a transmissão de doenças genéticas aos seus filhos.

teste de compatibilidade genetica
As últimas técnicas de Reprodução Assistida

Inovação e vanguarda nos nossos laboratórios para oferecer o melhor tratamento.

Mais de 20 anos de experiência em Reprodução Assistida

Centro de referência a nível nacional e internacional.

Próximos de si

Acompanhamento 24h/dia por parte da Coordenadora de Reprodução.

Ótimos resultados

Orgulhamo-nos das nossas taxas de gravidez nos vários tratamentos.